terça-feira, 30 de novembro de 2010

Inspiração:. A Vida de Pi


Se você ainda não leu esse livro transformador, 
por favor corra para uma livraria e se dê esse presente.

'A Vida de Pi' faz o leitor refletir sobre o valor da vida, a importância da fé e o papel da imaginação no modo de perceber a realidade. O narrador da história é um indiano de 16 anos conhecido como Pi. Sua família administra um zoológico, mas decide abandonar o país no auge de sua instabilidade política, nos anos 70. A idéia é se mudar para o Canadá, pegando carona no cargueiro que transferirá os animais. O navio afunda e restam apenas cinco sobreviventes - Pi, uma zebra, uma hiena, um orangotango e um tigre de Bengala. Inicia-se aí uma cruel luta pela vida. Aparentemente, Pi não tem a menor chance de escapar das feras. Vê todos os animais serem devorados até que restam apenas ele e o tigre. À beira do desespero, Pi conclui que o melhor a fazer é manter o tigre vivo e dependente de seus cuidados. Durante os 227 dias que passa à deriva, Pi dedica seu tempo a matar a fome e a sede de um tigre em alto mar. Pi se dá conta de que ele e o felino estão no mesmo barco - um precisa do outro. O livro traz uma história que faz acreditar na existência de Deus e a conclusão desta aventura imprevisível contrapõe a grandiosidade e a mediocridade que coexistem em todo ser humano.

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

A Good Day

 

This day NOW is unique. Is a gift. 
Don't worry about the little things, see all the blessings around you and celebrate LIFE.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Plenitude


Hoje, no dia de Ação de Graças eu agradeço, agradeço, agradeço.

Om púrnamadah púrnamidam púrnat púrnamudachyate
púrnasya púrnamádáya púrnamevávashishyate
Om shántih shántih shántih
 
“Aquilo é plenitude, isto é plenitude. 
Daquela plenitude veio esta plenitude. 
Daquela plenitude, tirando-se esta plenitude, 
o que permanece é plenitude.
Que haja paz, paz, paz.”

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Visualização de Cura



Sempre que preciso de energia, que sinto que estou com pouca vitalidade 
faço esta visualização de cura.  

Essa meditação inicialmente aumenta a temperatura e a circulação sanguinea 
em partes do corpo que precisam ser nutridas e então passa à intenção de curar. 

Extremamente eficaz e poderosa, reequilibra o fluxo de prana no organismo. 

Experimente.

Sente-se quieto e com os olhos fechados por alguns instantes. Concentre-se em seu coração e agradeça por tudo aquilo por que é grato. Agora mentalize a vontade de extravasar qualquer sofrimento, arrependimento ou hostilidade que possa estar carregando em seu coração ou sua mente.

Por um momento, repita silenciosamente a frase: "Que seja feito." Direcione-a para a sua idéia de consciência universal, seja ela Buda, Ganesha ou o que for. Repita como um mantra: "Que seja feito."

Mentalize o desejo de aquietar seu diálogo interno - e permita que sua atenção percorra seu corpo. Se identificar uma região tensa, mentalize que deseja relaxá-la. Em seguida, concentre-se na respiração. De início, simplesmente observe-se respirando, depois mentalize o desejo de diminuir o ritmo da respiração.

Mova-se conscientemente até o coração. Perceba seu batimento, o som e a sensação. Mentalize para que o ritmo do coração desacelere. Agora, foque a atenção em suas mãos. Sinta a pulsação e o calor que chegam do coração. Mentalize aumentar o fluxo de sangue e a temperatura das mãos.

Leve sua atenção aos olhos. Sinta o pulsar do coração em seus olhos e seu rosto. Permita então que sua atenção se mova livremente pelo corpo. Sinta o calor, o latejar e as pulsações do batimento cardíaco onde quiser. Se encontrar uma parte do corpo que precise de cura, direcione o calor até ela. Se não tem consciência de uma área assim em seu corpo, volte-se para o coração. Leve o calor palpitante de seus batimentos até qualquer ponto que deseje nutrir e curar.

Consciente e mentalizando a área de cura em seu corpo, repita por alguns minutos essas duas palavras como um mantra: "cura e transformação".

Passados alguns instantes, abra os olhos para encerrar a meditação de cura.


*Fonte: Livro Saúde Perfeita de Deepak Chopra

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Abhyanga em Kerala


Abhyanga, a tradicional massagem da Ayurveda apareceu no programa No Caminho.
A apresentadora Suzanna Queiroz estava em Kerala no sul da India 
e resolveu experimentar essa massagem terapêutica e extremamente relaxante.

"A busca pelo bem estar supremo... corpo e mente em harmonia completa..."
Tenho muito respeito por essa tradição e muito orgulho de fazer dela o meu trabalho.

Namaste!

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Palestra da Viagem:. India 2011



Para quem está interessado em participar dessa viagem imperdível, 
haverá uma palestra na próxima terça feira no CIYMAM. 
Não deixe de ir.

Namastê!

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Pensamento do dia


 "Once you make a decision, 
the Universe conspires to make it happen."
 
~ Ralph Waldo Emerson

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Onde a Ciência e o Budismo Se Encontram


Don't miss these incredible videos.
What's the nature of reality?
We are all one.

domingo, 14 de novembro de 2010

Aula de culinária saudável

Uma amiga muito querida e que cozinha maravilhas, criou um curso muito bacana.  Você decide o que quer aprender a fazer num livreto de receitas de saladas, massas e outros pratos vegetarianos. Aí você escolhe 4 ou 5 pratos e reserva uma aula pra você e seus amigos na sua própria casa! Ou seja vira um encontro delicioso e muito saudável! Imperdível não?


Para agendar a sua aula gourmet saudável, mande um email para a Flavia.
flaviacarnicelli@hotmail.com

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Pop Art Yoga


 




Love these images!
An explosion of colors, sensations, good energy!

Let's Yoga!

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Sadanas:. A Essência da Boa Fortuna



No centro budista que eu frequento, antes da meditação e estudos, sempre fazemos algumas preces purificadoras.
Elas são chamadas de A Essência da Boa Fortuna.
São muito lindas e geram imensa paz.
E o mais importante, elas são feitas para beneficiar todos os seres.

Purificar mentalmente o ambiente
Que a terra inteira
torne-se completamente pura,
plana como a palma da mão
e lisa como lápis-lázuli.

Preparar mentalmente oferendas puras
Que todo o espaço cubra-se
de oferendas de deuses e de homens,
as efetivas e as imaginadas,
qual oferendas do todo generoso.

Curta prece de refúgio
Eu e todos os seres sencientes,
até alcançarmos a iluminação
Nos refugiaremos em Buddha, Dharma e Sangha.

Gerar bodichita
Pelas virtudes que coleto, praticando o dar e as outras perfeições,
possa eu me tornar um Buddha para o benefício de todos.

Purificações e bençãos
Do coração de todos os objetos de refúgio,
luz e néctar fluem e se dissolvem em mim e em todos os seres vivos,
purificando o karma negativo e as obstruções,
aumentando nossas vidas, virtudes e realizações de Dharma.

Gerar as quatro incomensuráveis
Que cada um seja feliz,
Que cada um liberte-se da dor.
Que ninguém jamais seja separado de sua felicidade.
Que todos tenham equanimidade, livres do ódio e do apego.

Om Mani Padme Hum!

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Moments




 Enjoy every single moment of your life.
Even the bad ones.
Life is precious.

Have a nice weekend!

Happy Diwali!

 
Hoje é celebrado o Diwali, o festival das luzes.
Esse festival é comemorado na India, Nepal, 
Malasia, Singapura, Sri Lanka, Myanmar, Fiji entre outros.
Esse é um importante festival de renovação, e é festejado
por inúmeras pessoas independente de sua religião, 
sendo uma das principais datas do calendário hinduísta.

Não deixe de acender uma velinha em casa, pois acredita-se que 
  Lakshmi, a deusa da prosperidade, visita as casas iluminadas 
e deixa a abundância nesses lares.

Que possamos todos encontrar a iluminação!

Namaste


quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Pensamento do dia

 
Light, only Light! 
May your inner light grow brightly 
to awaken the mind of awareness, 
heart of love, and soul of compassion.
 ~Maya Tiwari

Black Buda Namaste


Não percam essa experiência musical única!
Amanhã no Yoga Flow.

Namastê!