segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Workshop de Meditação:. O Buddha da Cura


Eu vou e recomendo!
Mais informações clique aqui.

Om Mani Padme Hum

Here and Now



Let us not worry
About the future.

Let us only do the right thing
Today,
At this moment,
Here and Now.
Let the future take care of
Itself.

~Sri Chinmoy

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Minha Voz Pela Liberdade:.Ani Choying Drolma


Um dos livros mais emocionantes que eu já li foi "Minha Voz Pela Liberdade" biografia da monja budista Ani Choying Drolma. Chorei (MUITO!) de pura emoção nas últimas páginas. Um exemplo de amor, compaixão e uma grande alma. Um exemplo de vida! As suas palavras ainda estão reverberando em meu coração...

Esta obra autobiográfica é o testemunho extraordinário de Ani Choying Drolma, uma monja budista nepalesa que tem consagrado a sua vida a salvar dezenas de jovens suas compatriotas de um destino dramático à merce da tirania dos pais e dos maridos. Ela própria vítima de maus tratos familiares, cedo decidiu enveredar pela vida religiosa como forma de se libertar de uma vida de servidão e de violência e de poder ajudar os outros. Inspirada por uma determinação inabalável, transformou o ódio em compaixão, a subjugação em liberdade e o sofrimento em paz interior e iniciou uma jornada de solidariedade combatendo a pobreza e a ignorância. Adotou dezenas de crianças desfavorecidas e construiu uma escola para lhes proporcionar a educação que o seu país lhe nega. Os seus dotes vocais extraordinários providenciou-lhe o financiamento dos seus projetos e catapultou-a para o estrelato musical, não só no seu próprio país mas também na Alemanha, Japão e Estados Unidos. A sua voz atravessa fronteiras e conquista audiências, sempre ao serviço da liberdade das jovens nepalesas.

Ani Choying Drolma, nasceu em Kathmandu, Nepal em 1971. Aos doze anos foi aceita como monja no mosteiro budista Nagi Gompa onde o mestre Tulku Urgyen Rinpoché lhe deu proteção e a ajudou a ultrapassar o medo provocado por anos de violência doméstica. O seu incrível sucesso no mundo da música é apoiado por nomes tão sonantes como Tina Turner, Tracy Chapman ou Celine Dion. A Minha Voz Pela Liberdade, o seu testemunho de vida teve o apoio inestimável da sua santidade, o Dalai Lama.

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Full Moon!


I bow to this incredible Full Moon!
And i sing the mantra of the Green Tara.

Om Tare Tuttare Ture Soha!


segunda-feira, 23 de agosto de 2010

No Caminho:.Butão e Bangladesh


Com novo roteiro, Susanna Queiroz volta com a nova temporada de No Caminho.
Dessa vez ela vai viajar para o Butão e Bangladesh.
Todas as segundas, às 22h30 no canal Multishow.
Não percam!


Faces of Nepal









Because i'm dreaming about India and Nepal...

Images by:Yvette Depaepe

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Happiness


By happiness I mean here a deep sense of flourishing that arises from an exceptionally healthy mind.
This is not a mere pleasureable feeling, a fleeting emotion, or a mood, but an optimal state of being.
Happiness is also a way of interpreting the world, since while it may be difficult to change the world,
it is always possible to change the way we look at it.

~ Matthieu Ricard

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Tantra Yoga com Christopher Tompkins


No sábado passado participei de uma palestra sobre Filosofia Tantrica com o professor americano e Phd em Filosofias Orientais Christopher Tompkins. Já participei de muitos workshops e palestras, mas fazia muito tempo que não sentia uma energia tão poderosa em uma prática de meditação. Por isso realmente indico a todos vocês leitores do blog a participarem desse intensivo que ocorre hoje, sábado e alguns dias da semana que vem.
Não percam essa maravilhosa oportunidade!


Para saber mais clique aqui.

Mais informações sobre o trabalho do Christopher Tompkins clique aqui.


Om Namah Shivaya!

Meditate Now


Como disse na última postagem, muitas pessoas me perguntam se existem regras para meditar, como iniciar e como fazer.
Como a meditação é um processo fluido e aberto, existem poucas regras absolutas.
Mesmo assim, aqui estão algumas técnicas e dicas que os meditadores têm utilizado através dos séculos.
  • Encontre um lugar calmo para meditar, onde não haja grandes distrações externas, preferivelmente um local sem televisão, rádio, crianças ou telefones. Se for possível, escolha um lugar onde você se sinta emocionalmente confortável e seguro, longe do estresse e da pressão. Se você não consegue olhar a mesa de trabalho sem pensar nas ansiedades profissionais, não tente meditar no escritório. Se possível crie um espaço sagrado num cantinho da sua casa, perto do seu altar, num lugar reservado para isso.
  • Tente manter a temperatura confortável e não quente demais. Você quer ficar fresco, calmo e alerta.
  • Decida com antecedência quanto tempo vai meditar e tente cumprir o planejado. No início medite menos de trinta minutos. Não force.
  • Use roupas confortáveis e largas. Você não quer um cinto apertado se tornando o foco de sua meditacão.
  • Quando se preparar para meditar, traga com você um sentido de moderação e de autodisciplina. Pense na sessão de meditação com reverência e respeito.
  • Quando se preparar para meditar, tente abandonar as imagens ou as coisas que o fazem pensar no que deseja ou no que sente falta. Isto nem sempre é fácil de fazer, portanto não desanime se não conseguir imediatamente. Até mestres treinados lamentaram certas imagens que visitaram suas mentes sem serem convidadas.
  • Durante as sessões de meditação pratique o contentamento. Nós somos muito afortunados por poder meditar; é um presente que damos a nós mesmos. Vamos cultivar a gratidão por aquilo que recebemos.
  • Faça o esforço de abandonar o pensamento discursivo e compulsivo e os pensamentos obsessivos. Perceba os pensamentos repetitivos e as histórias familiares que costuma contar a si mesmo. Considere-os "aquela fita velha de novo" e volte ao objeto da sua concentração.
  • Valorize a simplicidade e o silêncio da meditação. Nada está faltando. Usufrua a riqueza do momento presente.
  • A posição de pernas cruzadas não é indispensável. Você pode se sentar com a coluna ereta, em uma cadeira confortável.
  • Alongue o corpo e sente-se ereto. Não se incline para nenhum lado, nem tente se dobrar para frente ou para trás. Deixe os ombros caírem naturalmente.
  • Tente alinhar o nariz com o umbigo e mantenha a cabeça colocada de tal modo que os ouvidos estejam acima dos ombros. Mantenha a cabeça reta.
  • Deixe a língua solta na boca, com lábios e dentes levemente abertos.
  • Coloque as mãos no colo ou sobre os joelhos.
  • Mantenha os olhos fechados ou semicerrados.
  • Permita-se internamente experimentar espaço, conforto e clareza, deixando a mente se acomodar naturalmente em seu estado natural.
  • Comece inspirando pelo nariz, e a seguir expire, também pelo nariz. Concentre-se na sensação física do ar entrando e saindo do nariz. Simplesmente observe sua respiração, exatamente no ponto da sensação, e focalize apenas isso. Conecte-se com a experiência presente, mantendo contato entre a atenção concentrada da mente e a sensação de respirar.
  • Abandone qualquer coisa que ocorra durante a meditação - barulhos, coceira, lembranças agradáveis ou desagradáveis - e volte a se concentrar na respiração.
  • Mantenha o corpo quieto e a respiração livre a fácil.
  • Permaneça aberto, solto e pleno de aceitação.
  • Usufrua o momento.
Tendo essas dicas em mente, inicie hoje, agora!
E viva muito melhor.


Namastê!

Inspiração: Livro "O Despertar do Buda Interior de Lama Surya Das.

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Insights


Nos dias em que estive na natureza, pude perceber como o excesso de estímulos da nossa vida diária nas grandes cidades pode mascarar a nossa verdadeira essência, o nosso Ser real.

Aquietar-se e perceber-se, longe de todas essas distrações, no início pode até ser incomodo pois o Ego reclama, querendo sempre mais e mais estímulos externos. Emoções reprimidas, sentimentos que estavam lá no fundo podem vir à tona. Deixar essas emoções aflorarem e realmente vivenciá-las e entendê-las é o início de uma limpeza interna poderosa. Isso é meditar.

Durante esses dias, terminei de ler um livro muito inspirador chamado "O Despertar do Buda Interior" do Lama Surya Das. Este livro transformador me trouxe inúmeros insights.

Num dos capítulos em que ele fala sobre meditação, ele diz: " A prática da atenção plena é também uma forma eficaz de ajudar a lidar com sentimentos e desenvolver a inteligência emocional. Tornamo-nos conscientes dos nossos sentimentos no momento em que surgem; experimentamos o que aparece, sem reprimir nem negar. Desta maneira, temos espaço e perspectiva para escolher a melhor forma de nos relacionar com eles. A meditação nos permite entrar em contato com os nossos sentimentos sem sermos controlados por eles."

Então não deixe para depois, ou não diga que não tem tempo para você mesmo. Medite! Agora! Todos os dias! Crie um espaço sagrado e desperte! O que realmente importa é saber quem você é, longe dos papéis que representa no dia a dia.

Muita gente me pergunta como é meditar. Não sabem como começar e sempre acham que é um bicho de sete cabeças. Por isso no próximo post vou dar dicas de como começar esse lindo caminho interior.

Boa semana a todos.

Que todos os seres obtenham a felicidade e a causa da felicidade.
Que todos os seres se libertem do sofrimento e da causa do sofrimento.
Que todos os seres permaneçam não separados daquela sagrada alegria e felicidade
que é totalmente livre da tristeza.
Que todos os seres repousem na equanimidade sem limites,
que a tudo permeia,
e que está além do apego e da aversão.

Om!