terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Contos da Índia:. As Sementes de Mostarda


Por um acaso eu encontrei um livro de contos indianos muito lindo chamado "Contos da Índia". São várias pequenas histórias cheias de simbolismo e sabedoria. São histórias que podem ser apreciadas tanto por adultos quanto por crianças. Escolhi um dos belos contos para colocar aqui.

***

Uma viúva, chorando, foi visitar Buda. Seu único filho havia morrido. Buda sorriu e lhe disse: - Vá até a cidade e peça sementes de mostarda, mas deve ser em casas onde ninguém tenha perdido nenhum ente querido. A mulher rapidamente foi até a cidade e começou a bater nas portas. Em todas as casas lhe diziam: "Podemos lhe dar quantas sementes quiser, mas a condição não será cumprida, porque muitos parentes morreram nesta casa". Mas ela não desistia. "Deve haver alguma casa onde a morte não seja conhecida", pensou. Ao entardecer, exausta de tanto caminhar e bater nas portas, compreendeu que "a morte é parte da vida. Não é pessoal. Não é uma calamidade pessoal que só tenha acontecido comigo". Com esse entendimento, voltou a Buda. Ele lhe perguntou: - Onde estão as sementes? Ela sorriu e caiu aos seus pés. - Inicie-me. Quero conhecer aquilo que nunca morre. Não peço para recuperar meu filho, porque mesmo que pudesse recuperá-lo, ele morreria novamente. Ensine-me como encontrar dentro de mim mesma isso que nunca morre.

9 comentários:

MANU PINK disse...

OI NANDA ADOREI SEU BLOG, NOS DA UMA SENSACAO DE TRANQUILIDADE E AMOR!!!SEUS POSTS SAO LINDOS E UTEIS!!!
POTIRA M INDICOU SEU BLOG AMEI, JA SOU SUA SEGUIDORA T ESPERO NO MEU BLOG!BJOKAS!

Potira disse...

Fernanda,

Que interessante, ainda não conhecia esta história e nem este livro. Tenho outros de contos indianos mas este me parace muito bacana...

Ah, vi que a Manu também virou tua fã...

Eu coloquei um link do teu blog lá no meu e mandei pros meus amigos todos conhecerem.

=)

Fernanda R. Lima disse...

Oi meninas, fico muito feliz que tenham virado fãs do blog. Faço com o maior carinho pra vcs! Venham sempre!

Namaste!

patricia disse...

hola! recorriendo un poco encontré tu blog: es precioso.
el cuento está muy bien, no lo conocía, buscaré ese libro.
gracias!
saludos.

claudia candelot disse...

Ispirador esse conto, Fernandinha!
Adoro estar aqui...
Grande beijo!

Fernanda R. Lima disse...

Oi Claudia! Tb adoro visitar o seu blog! Que bom conhecer pessoas que tenham tanta coisa boa para trocar!

Harih Om!

Tina disse...

Sou nova por aqui, mas já virei fã. Seu blog é um lindo santuário da paz, beleza e luz. Obrigada.
Namaskar!

Lu Ferreira disse...

LIndo blog!

Amoris disse...

Olá Fernanda, tudo bem?

Li este conto que postou e o reconheci, é de um livro chamado: contos da índia - sinfonia para a alma?

Bjos e lindo blog, parabéns!