quinta-feira, 30 de abril de 2009

There Is Nothing New To Get


There is nothing new to get.
You have on the other hand,
to get rid of your ignorance,
which makes you think you are other than Bliss.
For whom is this ignorance?
It is to the ego.
Trace the source of the ego.
Then the ego is lost and Bliss remains over.
It is eternal You are That, here and now...
This is the master key for solving all doubts.
The doubts arise in the mind.
The mind is born of the ego.
The ego rises from the Self.
Search the source of the ego and the Self is revealed.
That alone remains.
The universe is only expanded Self.
It is not different from the Self...

~ Ramana Maharshi

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Inspiração:. Eva Uviedo


Recebi um lindo presente (dica) do meu amigo Gustavo, autor do blog Yoga Vaidika.
E esse presente transformou-se nesse delicioso post. Obrigada Gustavo!!
Sempre admirei as ilustrações das colunas e matérias da revista Prana Yoga Journal- a qual eu sou leitora assídua- e agora pude descobrir a autora desses desenhos tão inspiradores e delicados.
Ela chama-se Eva Uviedo, e tem um trabalho tão rico que ficou difícel escolher apenas algumas...
Abaixo algumas (muitas!) de suas ilustrações e trechos das matérias correspondentes na revista.



"Quando você adota a organização como uma prática, encontra a paz – e as chaves do carro"

[ilustração para a revista Prana Yoga Journal #16]



"O tantra sastra – ou escrituras tântricas – consta de diálogos entre Shiva e sua esposa Parvati, nos quais importantes informações são divulgadas e verdades profundas são “des-veladas” com o propósito de ajudar aqueles que, vivendo na “era das trevas”, sinceramente anelem pela salvação."

[Coluna Deus me livre de ser normal, por Prof. Hermógenes - Prana Yoga Journal #16]



"Quero neste momento plantar em seu coração uma semente que se chama auto-estima. Você já ouviu falar? Claro que sim, mas provavelmente já esqueceu que ela existe. Se bem tratada e bem regada, poderá dar lindas flores e lindos frutos em sua vida.


"[Coluna Todos somos um, por Márcia De Luca - Prana Yoga Journal #18]





"Viver os princípios do Yoga como o desapego e a abnegação não significa que você não pode ser ambicioso. De fato, empregá-los em seus objetivos pode ajudá-lo a ser mais bem-sucedido – e mais feliz também"


[matéria Ambição do bem - Prana Yoga Journal #23]






"Quando entra em meditação profunda, começa a experimentar você mesmo como parte do tudo, como parte do planeta, como parte de um substrato energético que se conecta com todos os seres vivos."

[matéria Sem medo - Prana Yoga Journal #24]




"Recentemente, fiz uma pesquisa informal entre amigos, colegas e alguns alunos, na qual perguntei o que eles consideravam seu maior obstáculo interno. Três de cada quatro pessoas responderam “medo”. A verdade é que esse sentimento não deve ser paralisante: para uma pessoa no limite da transformação, o medo deve ser um ótimo professor. Mas se quer a liberdade a partir do medo, precisará também aprender como lidar com ele."

[matéria Sem medo - Prana Yoga Journal #24]





"A energia feminina é negativa, lunar, suave - Shakti; a energia negativa é positiva, solar, forte - Shiva. Que nós, mulheres, tenhamos então a consciência de que é preciso equilibrar nossas energias de Shiva e Shakti para atingirmos o equilíbrio e resgatarmos o melhor de cada uma de nós."

[Coluna Todos somos um, por Márcia de Luca - Prana Yoga Journal #21]






"Durga é considerada a personificação da energia feminina, do poder criativo - shakti; é também conhecida como Durga, a Incomensurável, pelo seu poder de destruir nossa ignorância (...) Durga é o poder da realização e a destruidora do mundo da ilusão."

[Coluna Caminhos da Prática, por Isabela Fortes - Prana Yoga Journal #21]





"Na perspectiva do Yoga, podemos distinguir três diferentes aspectos na qualidade de vida: 1) a qualidade da relação que mantemos com a natureza, 2) a qualidade da relação que mantemos com os demais, e 3) a qualidade da relação que mantemos com nós mesmos."


[Coluna Tudo de Om, por Pedro Kupfer - Prana Yoga Journal #15]





"'A prática tem como objetivo a libertação, mas implica igualmente que esse objetivo somente se realiza quando deixamos de olhar para a prática como um fim em si mesmo. As chaves abrem portas, mas não são portas."


[Coluna Tudo de Om, por Pedro Kupfer - Revista Prana Yoga Journal #18]

terça-feira, 28 de abril de 2009

Inspiração:. Professora Celeste

Acredito que a maioria dos praticantes de Yoga aqui no Brasil já ouviram falar dessa senhorinha de mais de 80 anos que já praticava há 45 anos atrás. Ela é a professora Celeste e é realmente um exemplo de dedicação e amor ao Yoga.

Saiu a pouco tempo uma matéria na revista Trip e outra mais recente na revista Gol. Não resisti e coloquei um trecho da matéria abaixo. Afinal de contas eu sonho em praticar e ensinar Yoga até ficar bem velhinha.

Veja esse exemplo e inspire-se!

Ela pratica todos os dias...



"Aos 85 anos, pratica de manhã até a noite. Para entender Celeste, pense na sua avó. Ou em outra senhora que faça bolinhos de chuva, não perca a novela e passe a vida servindo os outros sem alardear suas mazelas. Pense também em uma monja. Capaz de ficar 21 dias em jejum, dormir quatro horas por noite e levantar antes de o sol nascer para meditar.


Agora some uma mulher que trabalha das sete da manhã às nove da noite e não tem tempo para preparar seu suco de salada ou para curtir os filhos.

Celeste foi a primeira mulher a ensinar ioga em São Paulo.Há 45 anos, quando ela começou a dar aula para a elite dos clubes Pinheiros, Harmonia e Paulistano, esse estilo de vida ainda não era popular no país. Ela bem que tentou, mas logo desistiu de explicar para os alunos filosofias que aprendia em livros estrangeiros. Especializou-se em aulas práticas, em que as pessoas dominassem o corpo e desempenhassem as demais atividades do dia com a mente mais tranqüila."

Utkatasana



Essa é uma postura desafiante, que fortalece corpo e alma!
Entregue-se!


Benefícios:


  • Estimula o fígado, pâncreas e intestinos
  • Aumenta a força geral do corpo
  • Abre a região pélvica
  • Alivia cólicas menstruais
  • Trabalha os principais grupos musculares
  • Define a musculatura das pernas
  • Alivia dores nas juntas
  • Distúrbios do sistema imunológico
  • Artrite nos joelhos
  • Alinha sistema esquelético

**Atenção: Não tente fazer sozinho, procure um bom profissional e evite lesões.

**Imagem:Flickr

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Inspiração:.Ethnic Decor







Eu sempre busco novas referências de decoração para a minha casinha!

* Imagens:. Ecletyc Gipsyland

domingo, 26 de abril de 2009

Love


Even if you don’t feel love,
look at everyone with love,
because love is always there.
It’s just that it’s not always on the surface.

~ Gurumayi Chidvilasananda

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Workshop:.Krya Sadhana


*Clique na imagem para aumentá-la.

Vai aqui uma dica de workshop ;-)
Eu vou!

Bom final de semana.


Namastê

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Inspiração:.Macchick´s Yoga Art






Adoro o trabalho de colagem que essa artista faz!

Imagens:.Flickr

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Inspiração:. Quotes



















Imagens:.vi.sualize.us

Tratamentos de Ayurveda:.Pinda Sweda


Pinda Sweda é um tratamento altamente nutritivo e relaxante. Pequenas trouxinhas de arroz medicado com leite e ervas nutritivas como Bala e Ashwaganda, são aplicadas quentes sobre todo o corpo após uma massagem com óleo. É uma forma de Swedana (calor) e torna o corpo flexível, remove a rigidez e o edema das articulações. Trata as doenças de Vata, elimina as obstruções, estimula a circulação sanguinea, remove dejetos do corpo, aumenta Pitta, fortalece a digestão e aumenta Ojas.


Previne o sono excessivo por promover um sono mais profundo. É muito efetivo para tratar doenças do sistema nervoso e cérebro. Torna o corpo forte, vigoroso e bem desenvolvido. É muito rejuvenecedor, melhorando o funcionamento dos sentidos.

Previne insônia, hipertensão arterial, diabetes, problemas de pele e rugas.

Experimente esse e muitos outros tratamentos ayurvédicos ainda pouco divulgados aqui no Brasil.
Sua saúde agradece!


Namastê!

segunda-feira, 20 de abril de 2009

ABC Ayurvédico dos Alimentos:. Legumes II


ABACATE
O abacate é doce, com uma energia levemente quente e um efeito pós-digestivo
doce. Ele é oleoso, pesado e difícil de digerir, preferível se consumido com pimenta Caiena.
Diminui Vata, mas aumenta moderadamente Kapha e Pitta.
O abacate é tonico e nutritivo. Ele nutre o fígado, pulmões e pele, ajudando a formar os músculos e sangue. Constitui um bom alimento em caso de emagrecimento e convalescência.




ABÓBORA
As ABÓBORAS de VERÃO são doces, têm uma energia fria e um efeito pós-digestivo doce. Diminuem Vata e Pitta, e aumentam Kapha. São emolientes, expectorantes e nutritivas.

As ABÓBORAS de INVERNO são doces, frias e doces. Diminuem Pitta e Vata mas aumentam Kapha. Têm mais amido e são mais nutritivas que as de Verão. São emolientes, expectorantes e boas para a tosse seca e laringite.




AIPO
O aipo tem um sabor adstringente, doce e salgado, uma energia fria e um efeito
pós-digestivo picante. Diminui Pitta e Kapha mas aumenta Vata.

É um bom suplemento mineral para os três humores.
O aipo, em termos fitoterapêuticos, é adstringente, diurético e nervino.

Ele limpa a mente e emoções, e melhora a percepção. Ele aumenta o elemento éter, dando mais
espaço à meditação. A este respeito, é o legume mais próximo de Gotu Kola (Brahmi), a
principal planta Ayurvédica para o cérebro e relacionada com o aipo.
Ele também limpa o sangue e é bom para as infecções do aparelho urinário.

As sementes e raiz são também diuréticas, ajudam a dissolver os cálculos e são
boas para a artrite e gota. As sementes são quentes, estimulantes, emenagogas, antiespasmódicas e carminativas. A especiaria indiana Ajwan é um tipo de semente de aipo
selvagem.





ALCACHOFRAS
As alcachofras são doces e adstringentes, com uma energia fria e um efeito pós digestivo
doce. Diminuem Kapha e Pitta, mas aumentam Vata. Para Vata é preferível consumi-las com manteiga ou limão. As alcachofras são alterantes, hemostáticas e diuréticas.

Elas limpam o fígado e são boas para as menstruações excessivas.




ALFACE
A alface é agradável, adstringente, têm uma energia fria e um efeito pós digestivo
picante. Diminui Pitta e Kapha, mas aumenta Vata.

Ela é adstringente, diurética, calmante e purificadora para a mente e emoções.
Ela limpa o sangue e a linfa, e alivia as sensações de ardor.
Ajuda também a limpar a mente e a evacuar as emoções quentes.


ALGAS
As algas são salgadas e adstringentes, têm uma energia fria e um efeito pós digestivo
doce. Diminuem Pitta e Kapha mas aumentam Vata em excesso.

Geralmente, são bastante equilibradas. São uma boa fonte de minerais.
As algas fortalecem o plasma (rasa), ajudam a aliviar os edemas e congestões, e são um bom alimento para a tiróide. Elas são boas para dissolver quistos e tumores benignos.
Geralmente, em Ayurveda elas não são utilizadas porque são consideradas como não sendo sáttvicas.




BATATAS
As batatas são adstringentes, têm uma energia fria e um efeito pós digestivo
doce. Elas são geralmente boas para os três humores, sobretudo cozinhadas
com caril. As batatas são nutritivas, um dos legumes mais fortificantes, ajudam a parar a
diarreia e melhorar a absorção. Elas são de certa forma pesadas e secas, podendo
dificultar a digestão. Os tipos Vata devem consumi-las com ghee ou manteiga, por esta
razão. Geralmente, para os tipos Vata é preferível batatas cozidas a vapor e para os tipos
Kapha, batatas assadas. O puré de batata pode ser bom para Vata.
As batatas são tonicas, diuréticas, sedativas e ajudam a produzir o leite materno nas mulheres que amamentam.






BATATAS DOCES / INHAME
As batatas doces são doces, têm uma energia fria e um efeito pós-digestivo doce.
Diminuem Vata, aumentam Kapha e em excesso podem aumentar Pitta.

Além de serem muito nutritivas, são pesadas, difíceis de digerir e não combinam bem com outros legumes. O inhame, tem propriedades semelhantes e sendo menos doce é mais fácil de digerir.
Ambos são nutritivos e particularmente bons para convalescência e debilidade.




BERINGELA
A beringela é doce e adstringente, tem uma energia fria e um efeito pós digestivo
doce. Diminui geralmente Pitta e aumenta Kapha e Vata.

As suas propriedades que aumentam Vata podem ser neutralizadas com especiarias como o alho e por serem cozidas a vapor ou fritas em óleo.
A beringela é nutritiva, emoliente e um dos legumes mais substanciais em
termos de valores nutritivos. Ela pode ser boa para a convalescência de doenças febris.




BETERRABA
A beterraba é doce, com uma energia levemente quente e um efeito pós digestivo
doce. Diminui Vata mas pode aumentar Kapha e Pitta em excesso.

As beterrabas são alterantes, emolientes, laxativas e tónicas. Elas ajudam a formar o sangue
e também promovem a menstruação. O suco de beterraba tem fortes propriedades
medicinais, mas é também mais propenso a agravar os humores.
As folhas de beterraba são semelhantes aos espinafres.




CEBOLA
A cebola é picante e doce, tem uma energia quente e um efeito pós-digestivo
doce. Diminui Vata e Kapha, e aumenta Pitta. Bem cozida, agrava menos Pitta.
A cebola crua pode agravar Vata (causar gases).

As cebolas são irritantes e rajásicas, exceto quando são bem cozidas.
Elas são estimulantes, diaforéticas, afrodisíacas e expectorantes. São boas para
as constipações e gripes, debilidade geral e debilidade sexual. Cozidas com óleo ou ghee podem ter as mesmas propriedades fortificantes que a carne e fornecer a capacidade para executar grandes exercícios físicos.




CENOURAS
As cenouras são doces e picantes, têm uma energia levemente quente e um efeito
pós-digestivo doce. Diminuem Vata e Kapha, mas em excesso podem aumentar Pitta. O
suco de cenoura pode agravar Vata pela sua natureza mais fria e pode ser mais difícil de
digerir pela sua natureza bastante doce.

As cenouras são diuréticas e estimulantes, promovem a circulação do sangue,
ajudam a formar o sangue e aumentam o brilho dos olhos. Elas são boas para edemas,
icterícia e hepatite cronica.



COENTROS (folhas)
Os coentros (folhas) são picantes, têm uma energia fria e um efeito pós-digestivo
picante. Eles são geralmente equilibrados, mas podem aumentar Vata em excesso.

São específicos para Pitta elevado.
Eles são estimulantes, diuréticos, diaforéticos e febrífugos. São bons para
alergias de pele, febre elevada, dores de garganta e hiperacidez. As folhas de coentros
limpam o sangue e a bílis e são boas para infecções urinárias. O suco pode sempre ser
aplicado externamente para problemas de pele.
Imagens:.Flickr